quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Secret meeting IV

Se quiseres tenho algumas histórias para contar-te. Umas são muito tristes. São sobre a morte, perdas consecutivas, uma dor lancinante, um vazio enorme no coração, saudades e a falta de abraços insubstituíveis. Há outras de desilusões, erros, sonhos destruídos e caminhos sinuosos.
Outras histórias são alegres. Contam uma infância feliz, uma família unida, amigos e encontros. Tenho ainda histórias divertidas sobre a descoberta, aprendizagem, entusiamo, conquista e o prazer. Há histórias sérias que falam sobre o esforço, trabalho e dedicação.
Há histórias de mudança com escolhas e decisões, honestidade e verdade.
Há histórias de revolta, contra a mentira e a injustiça.
Também há histórias de amor, paixões que começaram, algumas com um meio longo e outras que saltaram logo para um fim.
Existem ainda histórias de amor eterno com uma beleza única e indescritível. Essas são para mim as mais difíceis de contar e partilhar.

2 comentários:

jp disse...

Somos reis sem um reino...quem souber da nossa glória e declineo fará também parte de nós...

Tindergirl disse...

Sei que é bonito encontrarmos pessoas e as suas histórias. Umas que vão e outras que ficam. E vamos navegando, perdidos ou apaixonados...